Transferência de jogadores de futebol (agosto de 2004)

Transferência de jogadores de futebol (agosto de 2004)

A transferência de jogadores de futebol é um dos eventos esportivos mais populares do mundo. No verão de 2004, aconteceu a transferência de dezenas de estrelas do futebol dos principais clubes da Premier League para as divisões inferiores do campeonato inglês e da Serie A.
No verão, as transferências das principais estrelas dos times de Oldham e Leeds, tais como:
James McCarthy;
Lee Bowyer;
*
* Paul Gascoigne;

Robert Snodgrass;
*
Kevin Keegan;
e assim por diante.
As transferências dessas estrelas foram um grande sucesso e ajudaram a fortalecer as equipes e melhorar suas chances de vencer o campeonato.
No entanto, a principal transferência do verão foi a que ocorreu entre as equipes das ligas inferiores da Inglaterra e da Serie A italiana. A principal transferência foi a transferência do Leeds United para o Leeds. O clube estava no top-4 há vários anos e estava em boa forma.

O clube era administrado pelo famoso jogador de futebol David Beckham, que administrava o clube há muitos anos. A transferência de Beckham para o Leeds foi uma grande chance para o clube sair da zona de rebaixamento.
Foi Beckham quem conseguiu a transferência para o clube do Manchester United, que era o principal rival do Leeds.
Após a transferência, o clube conseguiu terminar na 4ª posição da classificação.
Este foi um bom resultado para a equipe e a transferência de Beckham foi um sucesso.
Transferência do Leeds United
A principal transferência que tirou o clube da zona de rebaixamento foi a aquisição de Beckham. No verão anterior, o Leeds tinha sido muito bem sucedido no mercado de transferências, mas a campanha de transferência não teve sucesso.
Havia muitas razões para isso. Uma das razões foi o fato de que o clube não tinha bons líderes. A equipe tinha apenas os seguintes jogadores:
1. David Beckham.
2. James McCarthy.
3. Lee Bowey.
4. Gary Speed.
5. Andy Keogh.
6. Rob Green.
7. Paul Gasper.
8. Robert Snell.
9. Kevin Keegans.
Timm Klose.
11. David Bateman.
12. Chris Lawless.
13. Mike Rowlands.
14. Ben Hinton.
Ryan Hall, 15.
Danny Wilson, 16 anos.
Carl Ikeme, 17 anos.
Colin Ainsworth, 18 anos.
Nicky Clark, 19 anos.
20. Matt Derbyshire.
21. Darren Bent.
22. Jordan Spieth.
23. Callum Paterson.
24. Michael Brown.
25. Mark Schwarzer.
26. Matty Fryatt.
27. Adam Matthews.
28. Tom Crinan.
George Baldock, 29.
Steven Caulker, 30.
Matthew Jarvis, 31.
Scott Carson, 32.
John McGinn, 33.
Josh McEachran, 34.
Dominic Matteo, 35.
Grant Hanley, 36.
Aaron Wan-Bissaka, 37.
Jordon Ibe, 38.
39. Christian Atsu.
Jamie Carragher, 40.
Steve Bruce, 41.
Adrian Zuntilin, 42.
Cameron Jerome, 43.
Jay Bothroyd, 44.
Liam Bridcut, 45.
Ashley Young, 46.
Harry Maguire, 47.
Wayne Rooney, 48.
Jonathan Wilkins, 49.
Jermaine Pennant, 50.
Phil Brown, 51.
Gareth Barry, 52.
Glen Johnson, 53.
Andreas Christensen, 54.
Ross Barkley, 55.
Tammy Abraham, 56.
Adnan Januzaj, 57.
Luka Modric, 58.
Sead Kolasinac, 59.
Niko Kovac, 60. A lista dos líderes da equipe é longa.
Tudo isso levou ao fato de que a transferência não foi bem sucedida, e o clube estava no meio da tabela.
No início da janela de transferências, o time tinha uma boa chance de sair dessa situação.
Um dos fatores que ajudaram o clube nesta campanha de transferência é o fato de ter uma série de bons dirigentes, que conseguiram não perder seus lugares na equipe.
Por exemplo, os seguintes líderes:
· Michael Keane;
·2.
·3.
e 4.
Esses líderes foram capazes de fazer o seu melhor mesmo nas partidas mais difíceis.
Outro motivo para o sucesso do clube é a política de transferência da diretoria. A gestão tem uma boa política de transferência, que é uma das razões para o seu sucesso. A outra razão é o bom trabalho da equipe técnica.
Durante a temporada de transferências, a diretoria tentou reforçar seu elenco contratando muitos jogadores.

Avaliação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

2 × 1 =